segunda-feira, 8 de março de 2010

“A Sabedoria que vem do alto”

“A Sabedoria que vem do alto”


Tg. 3:17 e 18

Como já dissemos precisamos escolher a fonte que dará vida as nossas palavras. A sabedoria que devemos mostrar em mansidão possui características ressaltadas por Tiago. Mas antes de partir para o entendimento de cada uma das características, precisamos entender que a sabedoria do alto não se manifesta para qualquer um, nem em qualquer lugar.

Precisamos então entender o critério básico para sua manifestação. Nós já abordamos esse assunto em parte quando falamos sobre o conteúdo da nossa opinião. Lá entendemos que o resultado de nossa fala precisa ser o mesmo desejado por Deus. Porém, agora nosso enfoque é outro. Precisamos entender que para que nosso coração produza um fruto de justiça, uma semente precisa antes ser plantada.

O fruto não nasce do nada. É preciso haver plantio de sementes antes que se poça colher um fruto. O texto vai nos dizer quando, onde e por quem essa semente é plantada.

O texto diz que “o fruto de justiça é plantado em paz.”, ou seja, o ambiente necessário para que o dono da semente a semeie é um ambiente de paz. Para entendermos melhor esse ambiente vamos dar mais um paço neste versículo.

“Para os que exercitam a paz” Tg. 3:18

Precisamos sempre ter em mente que o autor está se referindo ao que falamos, como falamos e onde falamos. Desta forma exercitar a paz, nada tem haver com um transe ou um estado de espírito elevado.

Jesus já havia falado sobre isso em MT. 5:9

“Bem-aventurados os pacificadores porque eles serão chamados filhos de Deus”

“Pacificadores” = aqueles que promovem a paz = exercitam a paz

É preciso entender que promover a paz não é aceitar possivelmente qualquer situação que se estabeleça. Antes é confrontar o problema a fim de resolvê-lo. Não é a ausência de conflito, mas antes o estabelecimento de um ponto pacífico.

Vamos dizer que aquele que é um pacificador não se conforma com o conflito entre pessoas. A todo tempo deseja e toma iniciativa a favor do estabelecimento da paz. E segundo o texto de Mateus 5:9, ser um pacificador é agir como Deus age. Pois ao agir assim, o pacificador mostra um “traço da família, herdada do seu Pai celeste”.

“ ...o nome reflete a natureza”

Gerar a paz é criar um ambiente propício para que o dono da semente a libere. Quando o pacificador se levanta para exercer sua natureza, do alto, Deus libera sua semente que uma vez semeada gera o que Tiago chama de fruto da justiça.

Logo podemos entender que a sabedoria do alto não se manifesta apenas para nos tornarmos mais tranqüilos ou emocionalmente equilibrados. A sabedoria do alto requer daquele que a recebe em exercício ou uma ação em prol do corpo. A sabedoria do alto mais a mansidão trará a revelação dos filhos de Deus. Pois diante do efeito da fala do pacificador, todos dirão, esse é verdadeiramente um filho de Deus.

Sei que falei em terminar esse assunto nesta postagem, mas vou precisar de mais uma.

Um grande abraço

Graça e Paz

Franklin

8 comentários:

  1. Oi Primo. Muito bom o texto mas termina, né? fica deixando agente com gostinho de quero mais, rsrs. Eu aprendi que a Justiça de Deus nunca vai operar na ira do homem. Como quero aprender a cda dia deixar tudo com Ele e não ser independente, mas dependente. Deixando que em tudo Ele me justifique e exercendo a sabedoria do alto que é tratável, desafio de todos os dias , viu? Mas com o amigo Espirito Santo, agente chega lá, abração.

    ResponderExcluir
  2. Meu irmão Franklin .
    Realmente um fruto não nasce do nada.
    A Palavra diz: Tudo o que é bom tudo o que é puro....seja isto o que ocupe o nosso pensamento.
    Exercitar a paz, ser um pacificador é algo que começa dentro de nós e os resultados seguem nos relacionamentos.
    .
    Estava comentando com minha esposa que os seus post's são bem elaborados, didáticos e profundos,parabéns meu irmão.

    ResponderExcluir
  3. Oi Franklin!! tudo bom?
    add esse eh o meu blog, ;)
    vou postar receitas e fotos do curso, axo q vcs vao gostar! bjus

    ResponderExcluir
  4. Irmão Franklin, seu comentário lá no blog foi da hora, te agradezco.
    Pra você: Malaquias 3;13a18
    Firmeza!
    Tô esperando o seu novo texto.

    ResponderExcluir
  5. Parabéns pela proposta do blog. Já estou seguindo!

    Aproveito para lhe convidar a conhecer o meu blog, e se desejar também segui-lo, será uma honra.

    Seus comentários também serão muito bem-vindos.

    www.hermesfernandes.blogspot.com

    Te espero lá!

    ResponderExcluir
  6. Olá graça e paz!

    Fico feliz em ver mais um blog cristão, espalhando a palavra
    de Deus, estou passando para te visitar, e dizer que seu blog
    está sendo uma bênção em nossa blogosfera cristã, já estou te
    seguindo.

    Faça-me uma visitinha e aproveite para participar do
    Sorteio do livro: TEMPERAMENTOS TRANSFORMADOS POR TIM LAHAYE

    Crislaine

    Abraços

    ResponderExcluir
  7. Irmão Franklin está tudo bem?
    Você anda meio calado.
    Desejo tudo de bom pra ti.

    ResponderExcluir
  8. A paz do Senhor,
    tava passando e li algumas de suas postagens. Criei um bog recentemente e ainda estou personaliznado, fiquei muito feliz por ver mais um filho de Deus transmitindo a mensagem de salvação e os ensinamentos que edificam vidas. Continue assim, deixa Deus te usar.


    que Deus abençoe!!!

    ResponderExcluir